Caras News / EXCLUSIVO

Cid Moreira dá detalhes sobre sua saúde e esclarece acusação de homofobia feito pelo filho, Roger Moreira


Publicado em 28/04/2022, às 17h04

Na última quarta-feira, 20, Cid Moreira e sua esposa, Fátima Sampaio, concederam uma exclusiva para a Caras Brasil para falar sobre a saúde do jornalista, de 95 anos, que descobriu uma complicação nos rins, fez hemodiálise e teve alta.

Durante a entrevista, Cid Moreira revelou que foi surpreendido pelo mau funcionamento nos rins enquanto fazia uma filmagem propaganda para um plano de saúde: “Eu fui fazer uma filmagem propaganda para um plano de saúde e esse plano me convidou para fazer um check up. Eu fui e o médico veio me dizer que eu tinha que fazer hemodiálise. Isso já está fazendo uns 8 meses”, disse.

O comunicador ainda confessou que ficou atordoado com a notícia e resistente ao tratamento, já que também afetava a voz e o ouvido: “Eu tinha que levantar às quatro e meia da madrugada, para estar às seis da manhã no hospital, para fazer três horas de hemodiálise, no auge da Covid… Eu relutei um pouco. Você já imaginou sentar com uma máquina ao lado e ficar 3 horas ali?”, contou e completou: “A hemodiálise também afeta a voz e o ouvido. Eu saía de lá, às vezes, afônico e ouvindo mal”.

Com todo o incômodo de passar 3 horas no hospital e no auge da Covid, Fátima, a esposa do comunicador, fez um curso para realizar o tratamento do marido em casa. “Eu recebi algumas críticas de algumas pessoas sobre ter feito o curso para cuidar do Cid. Algumas pessoas questionaram o porquê da gente não pagar enfermeira. Não é nada pessoal, tem enfermeiras maravilhosas, no primeiro dia eu tive orientação delas, se visse que não tinha condições, eu não iria fazer, mas eu não queria que a gente perdesse a nossa intimidade”, explicou.

Além disso, a também jornalista contou que no começo eles ficaram assustados porque Cid sempre foi muito saudável, sempre teve cuidado com a alimentação e não imaginavam que ele teria um problema nos rins. Ainda assim, ela revelou que esse momento foi uma lição para o casal.

Cid, que chegou a pesar 63 quilos, retirou o cateter de hemodiálise recentemente e recebeu alta do tratamento. Segundo o jornalista, agora está tudo funcionando e ele já retornou para a rotina normal de exercícios físicos como esteira e pilates.

Sobre os planos de Cid, agora recuperado desse susto, ele garante que não parou de trabalhar. Durante o tratamento, produziu e narrou um livro infantil chamado “Jaboti eTartaruga”, do autor Marco Coiatelli. Continuou gravando diariamente e agora está estudando poemas. Ele também segue com as gravações da Bíblia com intensidade, além de ter o seu canal no YouTube “Cid Moreira” em que recita poemas, faz entrevistas com especialistas e também tem um quadro de receitas.

Depois de falar sobre a sua saúde, Cid Moreira se pronunciou sobre as polêmicas envolvendo o seu nome, já que recentemente seu filho Roger Moreira o acusou de homofobia.

Sobre a acusação, Cid disse: “Eu me sinto envergonhado, na altura dos meus 95 anos, eu ser taxado disso ou daquilo. Eu peço diariamente a Deus, nas minhas orações, que essas pessoas sejam encaminhadas, que cuidem das suas vidas e procurem trabalhar e vencer como eu estou vencendo”.

O jornalista ainda completou e relembrou outras polêmicas do passado: “Uma hora teve uma solicitação desse pessoal dizendo que queriam cuidar de mim, que eu estava passando fome e comendo comida estragada. Aí eu digo, a justiça humana tem várias portas, uma foi essa usada, agora essa usaram que eu sou homofóbico e pedindo a minha prisão”.

Por fim, Cid esclareceu que não recebeu nenhuma intimação sobre o assunto e disse que isso tudo é uma loucura total

Mais notícias sobre:MoreiraCid